A Tokio Marine passa a disponibilizar uma ferramenta online que dispensa a vistoria presencial para a nacionalização de cargas em portos, aeroportos e armazéns alfandegários. A solução foi pensada para dar maior agilidade e reduzir os trâmites no processo de despacho aduaneiro do seguro de Transporte Internacional.

“Esta solução é uma facilidade para solucionar uma das principais dificuldades no processo logístico nacional. Dessa forma, toda a cadeia produtiva é beneficiada”, afirma o diretor executivo de Operações, Tecnologia e Sinistros da seguradora, Adilson Lavrador.

“Os trâmites administrativos são um dos principais entraves do mercado logístico, impactando no setor produtivo, que pode chegar até a R$ 4,3 bilhões por ano segundo levantamento da Confederação Nacional da Indústria (CNI). “Temos a missão de criar soluções para desenvolver essa modalidade e tornar os procedimentos de transporte internacional menos complexos”, completa o diretor de Transportes da companhia, Valdo Alves.

Fonte:Revista Apólice